Opinião: Na E3 2015 o vencedor foi… a nostalgia?

Inicio de junho é uma época muito esperada para os fãs de games pelo mundo. O grande motivo disso é a anual feira E3 que é conhecida como a porta de entrada para os novos jogos apresentados pela indústria. Normalmente os fãs esperam por novidades, mas na E3 2015 as coisas estão um pouco… peculiares, eu diria.

E3 2015 1

É Microsoft… tá ficando complicado

Quem acompanhou a E3 do ano passado sabe que os grandes destaques daquele ano acabaram, em sua maioria, sendo adiados para 2015 e por isso eu estava meio dividido com a conferencia desse ano já que já tínhamos muitos dos destaques desse ano divulgados desde 2014. Com isso ficava aquela dúvida: Ok, o que será que vão anunciar? Será que teremos NOVIDADES de verdade ou ficaremos com alguns “olha pessoal, melhoramos o que mostramos em 2014 e agora vai!!!” e o que encontramos foram, em sua maioria (porra, Nintendo!) novidades sim, mas novidades nostálgicas.
E3 2015 2


Eu imagino quantos fãs choraram de alegria com a volta de Cloud e Sora. Obrigado Square, obrigado!

COMO ASSIM NOVIDADES NOSTALGICAS, MIZUMOTO? Bem, um ano em que temos Starfox, Final Fantasy 7, Kingdom Hearts 3, Shenmue 3 e muitos outros títulos “revitalizados”, eu só consigo ver nostalgia nisso tudo. Não me entendam mal, não acho isso ruim, pelo contrário! Quantos milhões de fãs não rezavam por um remake de Cloud e seus amigos? Quantos nintendistas não devem ter chorado a volta do clássico “DO A BARREL ROLL”?   Por conta desse saudosismo, muitas pessoas nas redes sociais estão falando que essa é a melhor E3 dos últimos anos e eu concordo em partes com isso. Obvio que eu fico feliz de poder jogar um novo Kingdom Hearts na cronologia principal (365/2 days foi lindo, mas eu queria mesmo era um 3), mas eu sinceramente ficaria ainda mais feliz com a Square me dando um jogo novo e surpreendente, afinal, eu estou assistindo a E3 para ver novidade.
E3 2015 3

Nem 24h de crowdfunding e o negócio já tá a caminho de 3 milhões de dólares. Ah se a Sega tivesse pensado nisso…

Não é novidade para ninguém que a nova geração de consoles está bem morna por conta da falta de jogos, ou melhor, jogos que emplaquem. Por isso, a comunidade como um todo fica sempre na expectativa de uma nova promessa que convença de fato a comprar um console da nova geração e eu sinceramente não acho que os remakes/renovação exaustiva de franquia seja a solução desse problema. É claro que isso vai movimentar as vendas e tudo mais, mas ao meu ver ainda fica aquela sensação de que falta algo para essa geração dar o seu passo a diante. Obvio que tivemos novidades interessantes como: Horizon: Zero Down; Mario Tennis; Batman Arkham Knight entre outros, mas o brilho desses foi ofuscado pelos clássicos.

E3 4

Pra mim, a melhor novidade “de verdade” dessa E3

Por mais que esse texto tenha parecido uma crítica forte ao que vimos na E3 desse ano, eu realmente fiquei feliz com o que vi. Grandes franquias voltando e ótimas conferências sendo apresentadas. Em relação ao ano passado não há dúvidas de que tivemos um show bem melhor, mas se alguém fosse me perguntar qual empresa ganhou esse ano eu diria que foi a empresa da nostalgia.

E vocês, o que estão acharam da E3 2015? Deixa aí nos comentários!

Facebook Comments

Mizumoto

Estudante de letras: português-japonês, amante de cinema e telespectador de desenho japonês desde que se entende por gente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *