Conspirações – Uma rápida análise sobre Conspiracy

Intrigas, conspirações, manipulações, tramas: palavras que não soam muito bem quando utilizadas em partidas casuais multiplayer. Mas quem nunca combinou de atacar o mais rápido possível um determinado jogador em uma partida no estilo “mesão”, pelo fato deste utilizar um deck de Elfos que coloca em jogo milhares de fichas de Elfo 1/1, com ímpeto, no 4º turno? Foi pensando nesse tipo de interações em jogos casuais que, pela primeira vez na história do Magic, uma Un-Set (edição fora de bloco) irá utilizar mecânicas que permitirá aos jogadores fazer escolhas que afetarão o processo de “draft”. Várias outras mecânicas encorajam os jogadores a interagir e tramar intrigas durante as partidas com vários participantes.

“Conspiracy” é o nome da edição lançada no dia 6 de junho desse ano. Composta por 210 cartas (89 comuns, 68 incomuns, 43 raras e 10 míticas). Destas, 65 são totalmente novas, exclusivas da edição, sendo que 52 são válidas no Vintage e Legacy. 13 são cartas do tipo Conspiracy, um novo tipo de carta, que não será válida em formatos construídos. Os demais cards da edição são reprints, como Brainstorm, Stifle, Sulfuric Vortex e Exploration, isso só para citar as mais conhecidas, validas somente nos formatos que já pertenciam.

Como dito antes, a edição traz cards que mudam totalmente o processo de draft, assim como a forma de se jogar as partidas, que podem ser com 2 grupos de 4 jogadores, ou até os 8 ao mesmo tempo no estilo cada um por si (livre). Ganha-se o jogo quando cada um dos oponentes tiver sido eliminado. Algumas cartas têm habilidades que ocorrem durante o draft, no momento em que são draftadas (escolhidas) o jogador as revela e as mantém viradas, até que a habilidade da carta seja ativada.

As cartas do tipo Conspiracy fazem efeito no começo do jogo, sendo colocadas na zona de comando diretamente da pool, mas não farão parte do deck, ou seja, não contam para o limite mínimo de 40 cartas. Estas cartas permanecem viradas para cima, a menos que tenham a habilidade de Hidden Agenda. Cards Conspiracy devem ser colocados na zona de comando apenas no início da partida.

A edição ainda traz 3 novas habilidades que interagem com jogos multiplayer: Dethrone – dá bônus por atacar o jogador com a maior quantia de pontos de vida. Will of the Council – engloba votações de todos os jogadores para escolher qual efeito de algumas opções de uma carta será realizado. Parley – faz com que cada jogador revele a carta do topo de seu grimório. Então você toma como base a ação de acordo com a quantidade de cartas não-terrenos reveladas desta forma e cada jogador compra uma carta.

Vale a pena citar também que a edição também conta com um planeswalker exclusivo: Dack Fayden

Espero que edição agrade tanto os jogadores casuais quanto os competitivos, com diversos reprints aguardados há muito tempo, ótimas cartas para quem joga Legacy e Commander, principalmente. Conspiracy com toda certeza vai marcar a historia do MTG, como a edição mais inovadora dos últimos tempos. Até mais pessoal!

Lembrando que nossos parceiros da Legion Card Games já abriram pré-venda para Booster Box de Conspiracy, corre lá no perfil deles https://www.facebook.com/legioncg?fref=ts  e confira preços e condições!

E para quem quiser dar uma conferida no vídeo da Wizards sobre a edição, o link é: http://www.youtube.com/watch?v=U09xnozP3gQ

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *