Perfil: Jon Snow, o patrulheiro misterioso.

“Você não sabe nada, Jon Snow” (Ygritte)

É hora de falar de um dos personagens mais importantes das Crônicas de Gelo e Fogo. Ele também é um dos mais queridos pelos fãs de Game of Thrones e talvez o que esteja mais envolto por teorias e mistérios. Claro que estou falando de Jon Snow, o nosso bastardo favorito!

Jon Snow é (oficialmente) o filho bastardo de Ned Stark, mas a identidade de sua mãe é até hoje desconhecida. Ele começa a história com 14 anos de idade, embora na série tenha sido representado mais velho. Cabelos negros e olhos cinzas bem escuros, é esguio, rápido e apresenta traços dos Starks. Ainda em Winterfell, Jon Snow aquele que viria a ser seu amigo e maior guarda-costas, o letal e silencioso Fantasma. Apesar de nutrir uma boa relação com seus irmãos, principalmente Robb e Arya, sua condição de nascimento nunca é totalmente esquecida, principalmente por Catelyn. Quando seu pai decide assumir o cargo de Mão do Rei, chega a hora dos Starks decidirem o rumo de suas vidas, e à Jon resta assumir o manto negro da Patrulha da Noite, seguindo assim os passos de seu tio, Benjen Stark.

asoif-artbook-jonsnow
Uma das minhas representações preferidas de Jon Snow e seu fiel companheiro, Fantasma. (Representação do livro “Art of Ice and Fire”). 

A trajetória de Jon Snow é uma das mais bacanas de se acompanhar nos livros, pois o personagem cresce sensivelmente durante a trama. De rapaz iludido com as histórias sobre a Patrulha da Noite à recruta odiado por seus novos irmãos; de garoto revoltado por ter sido escolhido intendente à salvador da vida do senhor comandante após um ataque dos mortos; de patrulheiro detentor da espada de aço valiriano Garranlonga à vira-casaca forçado; de selvagem escalador da Muralha à vira-casaca novamente; e finalmente de patrulheiro visado ao posto de 998º Senhor Comandante da Patrulha da Noite.

“Jon baixou os olhos. Ele embalava uma das mãos de Bran. Ele pegou na outra e apertou. Dedos como ossos de pássaro.
Já tinha chegado à porta quando ela o chamou.
– Jon – ele devia ter continuado a andar, mas ela (Catelyn) nunca antes o chamara pelo nome. Virou-se e a viu olhando-o no rosto, como se o visse pela primeira vez.
– Sim? – ele respondeu.
– Devia ter sido
você”.
(A Guerra dos Tronos) 

Jon Snow talvez seja o personagem que conheceu pessoalmente o maior número de personagens de destaque da trama. Jon ouviu ensinamentos de Tyrion, broncas de Jeor Mormont, esteve cara-a-cara com Mance Ryder, se apaixonou pela selvagem (literalmente) Ygritte, debateu francamente com Stannis, além de viver grandes aventuras ao lado dos seus irmãos negros, Sam, Pyp, Grenn, Edd Doloroso (melhor personagem, aliás).

Jon_Snow_1
Uma de suas cartas em “Game of Thrones: Card Game”

Os conflitos morais de Jon são dignos de nota. Um bastardo de uma das casas mais nobres do Reino, Jon nunca soube exatamente qual era seu papel no mundo. Muitos de nós vivemos esse dilemas em nosso cotidiano: qual o meu objetivo? O que posso fazer? Por ser um bastardo de um homem tão honrado quanto Ned Stark, Jon sempre se cobrou demais. Ele sempre exigiu de si mesmo ser tão justo e honesto quanto seu pai, e principalmente, não ser pai de um bastardo. Some isso a todos os compromissos que assumiu ao pôr o manto negro, e temos um personagem com muitos princípios. E como é sofrido e encantador acompanhar Jon Snow questionando a si mesmo a cada voto quebrado. A paixão por Ygritte; as encenações de lealdade à Mance Ryder; à tentativa desesperada de não favorecer diretamente Stannis e seu exército na guerra; a difícil decisão de responder à carta de Ramsay Bolton.

“Devia ter ficado naquela gruta com Ygritte. Se houvesse uma vida para além daquela, esperava dizer-lhe isso. ‘Ela vai arranhar meu rosto como a águia e amaldiçoar-me de ser covarde, mas direi mesmo assim’ ”
(Jon Snow – A Tormenta de Espadas)

É difícil separar um momento mais marcante do personagem, então ficarei com dois. O primeiro é o seu romance com Ygritte, a selvagem beijada pelo fogo. A descoberta da paixão, do sexo, da vergonha em quebrar seus votos, e posteriormente a dor de ser o responsável (indireto) pela morte de sua amada, em seus braços. O outro momento marcante é sua trajetória como Senhor Comandante, quando Jon percebe o fardo de comandar: aturar Reis, dormir pouco e planejar muito, decidir pelo o que é certo e não pelo que é fácil. Tudo isso sem o apoio de sua família, há muito perdida.

tumblr_ml23m7Xzvn1qmzsn0o1_500
Ygritte, como representada no card game. A ilustração é da brasileira Mariana Vieira. 

Como disse lá no começo do texto, acho que nenhum personagem possui seu nome mais envolvido em teorias e conspirações. Jon Snow futuro rei do Norte? Jon Snow Azor Ahai? Jon Snow…Targaryen? Eu, pessoalmente, acredito que ainda veremos um Jon Snow empunhando a Luminífera, se erguendo contra o exército de White Walkers. Acho que é seu destino evitar que a Longa Noite chegue.

“Você terá poucas alegrias com seu comando, mas penso que terá forças para fazer as coisas que precisam ser feitas. Mate o menino, Jon Snow. O inverno está quase sobre nós.
Mate o menino e deixe o homem nascer”.
(Meistre Aemon – A Dança dos Dragões)

Na série da HBO, Jon Snow é interpretado pelo ator inglês Kit Harrington. Adorado por boa parte do público feminino (mas não somente) de Game of Thrones, o ator se assemelha ao personagem, apesar de não tê-lo imaginado exatamente como é caracterizado na série. Alguns fãs criticam sua falta de expressividade em determinadas cenas; não acho que seja um erro do ator, simplesmente uma orientação da própria direção da série. Afinal, porque um patrulheiro de vida tão sofrida que vive em temperaturas negativas deveria se exaltar ou se manifestar de maneira tão efusiva? Não é algo que me incomode, sinceramente.

050815-game-of-thrones-jon-snow-750x522-1431106812

O bastardo preferido de 10 em cada 10 Ygrittes

É MUITO difícil resumir tudo o que Jon Snow já fez em um texto, então preferi fazer um complicado do que ele representa para mim e para as Crônicas de Gelo e Fogo no geral. O patrulheiro misterioso, o eterno rapaz ainda tentando encontrar seu lugar ao sol, o bastardo que ainda tenta fazer seu pai orgulhoso. Esse é Jon Snow, um dos melhores personagens de Game of Thrones!

Quer conhecer algumas das Teorias do Trono de Ferro que envolvem Jon Snow? Então dê uma lida em nossas análises!

– Azor Ahai: http://drophour.com.br/2015/06/02/teorias-do-trono-de-ferro-azor-ahai/

– A Grande Conspiração do Norte: http://drophour.com.br/2014/10/28/teorias-do-trono-de-ferro-a-grande-conspiracao-do-norte/

Facebook Comments

Lucas Bastos

Mestre em Comunicação, 7,8 na escala Nerd, fã obsessivo de FMA, Marvel fanboy e defensor da tese de que George Martin é melhor que Tolkien.

2 comentários em “Perfil: Jon Snow, o patrulheiro misterioso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *