Review: Tengen Toppa Gurren-Lagann

Em um ambiente futurista – mas não muito otimista – o que restou da humanidade se esconde em pequenos vilarejos subterrâneos para sobreviver. A maioria dos humanos vive isolada, nunca viu o sol, não tem uma tecnologia digital e muito menos se comunica com outras vilas. Em um desses refúgios, denominado Jeeha, moram Simon e Kamina, dois adolescentes órfãos que se tratam como irmãos. Simon é um adolescente tímido e rejeitado que perdeu os pais em um desabamento na vila causado por um terremoto. Ele trabalha como escavador e minerador, com intuito de auxiliar na ampliação da comunidade e com isso beneficiar os aldeões. Kamina, por sua vez, é um adolescente problema que diz ter visitado a superfície com seu pai quando pequeno e sonha quebrar os limites superiores da vila e contemplar as maravilhas do mundo “sem teto”.

Esse é o enredo central de Tengen Toppa Gurren-Lagann, título que quando traduzido fica algo como “Ultrapassando os Céus com Gurren-Lagann”. TTGL é um anime de vinte e sete episódios, dirigido por Hiroyuki Imaishido e produzido pelo estúdio de animação GAINAX, responsável pela aclamada série Neon Genesis Evangelion. O anime combina Mecha, comédia e um leve toque de Ecchi dado na maioria das vezes por Yoko, a menina que compõe o trio principal da série. A animação é excelente, possui diversas cenas de ação empolgantes, e como o mangá em que foi baseado tem a pegada mais caricata de batalha, o anime destaca-se nesse quesito. Entretanto, o mais importante de TTGL é a mensagem que ele passa aos telespectadores.

ttgl 1

O gênero Shōnen, o mais forte de anime/mangá, está sobrecarregado de valores morais como amizade, superação e alegria, mas este anime aborta estes temas com base na maior mensagem da trama: a motivação. O jovem Kamina é a fonte motivacional do enredo do começo ao fim, com seu jeito pretensioso e divertido. Entre suas frases mais célebres está a rufante: Quem diabos você pensa que eu sou? O contraponto ao personagem fica por parte do protagonista, Simon, sujeito visivelmente mais novo e medroso, mas que mesmo assim é o centro da história.

O primeiro arco da animação se chama “Perfure os céus com sua furadeira!”, e acho que todas as pessoas que gostam de animes deveriam assisti-lo, pois aqui está a fonte de inspiração para a vida. Toda a falta de esperança subsequente volta aos valores do início dados por Kamina para alavancar os outros arcos. O arco começa com a descoberta por Simon de uma grande cabeça metálica com braços e pernas, durante uma escavação. Quando um Gamen, figura caricata de robô utilizada no anime, ataca a vila Jeeha, descobre-se que a cabeça também é um Mecha, e os humanos utilizam essa descoberta para derrotar a ameaça. Em seguida, começa-se a descobrir o que aconteceu com a humanidade e, por consequência, a grande odisseia de Simon, a transformação de garoto medroso em um homem corajoso.

Em resumo: excelente enredo, ótimos personagens e, claro, muitos plot twist! Gurren-Lagann deixou saudade e é sem dúvida um dos meus animes preferidos. Se você não viu, confira! Para você que já assistiu, dê um like pelo meu nítido esforço de não dar nenhum spoiler do anime.

Facebook Comments

Ultimate Serrão

Cool as Fuck

Um comentário em “Review: Tengen Toppa Gurren-Lagann

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *